Dias Santos

Uma decisão ajuizada:

A Santa Sé e a Igreja Portuguesa decidiram que os dias santos (que também são feriados) que deixam de o ser (e só entre 2013 e 2018) serão a Solenidade do Corpo de Deus, que passa a ser transferida para o domingo seguinte, à semelhança do que acontece noutros países, e o Dia de Todos os Santos, que continua a ser a ser solenidade mas sem ser considerado dia santo, como tantas outras ao longo do ano.

Podem ler mais informações na Ecclesia.

Deixar uma resposta