Arquivo de etiquetas: Oração

S. João de Latrão

S. João de Latrão é a Sé da Diocese de Roma. Por isso a sua dedicação é celebrada em todo o mundo. Construída pelo imperador Constantino tornou-se simbolicamente a mãe de todas as Igrejas. Nesta festa, que tem precedência litúrgica, sobre os domingos, celebra-se sobretudo o Povo de Deus, como assembleia de convocados por Deus para construir um mundo melhor.

Diz a oração colecta deste dia:

“Senhor, que edificais o templo da vossa glória com pedras vivas e escolhidas, derramai sobre a Igreja os dons do Espírito santo, para que o vosso povo cresça cada vez mais na fé, esperança e caridade, até se transformar na Jerusalém celeste. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso filho, que é Deus convosco na unidade do Espírito santo.”

Bênção dos Avós

Hoje foi o dia da peregrinação dos avós ao Santuário de Fátima.
Ontem, dia de S. Joaquim e S. Ana, pais de Nossa Senhora, houve uma benção especial para todos aqueles que são avós.
Deixo aqui a oração de bênção que fizemos:

Deus eterno e misericordioso,
Pai de todas as gerações,
que escolhestes Joaquim e Ana para serem avós de Jesus,
derramai as vossas bênçãos sobre estes avós.
Sejam fortalecidos pela vossa graça,
para transmitir às gerações mais novas
a história da nossa salvação
e a experiência da Vossa Ternura.
Sejam iluminados pelo vosso Espírito
para partilharem com os mais novos
a sua sabedoria e a sua fé,
as suas alegrias e esperanças.
Sejam configurados com Cristo para
que nas dificuldades dos seus dias
encontrem alegria na comunhão familiar,
ânimo no cuidado dos netos,
e paz no seu mundo.
Por Nosso Senhor Jesus Cristo,
que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo.

Oração pelos cristãos na China

Hoje uno-me a toda a Igreja na Oração por todos os cristãos da China, pedido com eles a Deus por intercessão de Nossa Senhora de Sheshan.
 
Virgem Santíssima, Mãe do Verbo encarnado e Mãe nossa,
venerada com o título de «Auxílio dos cristãos» no Santuário de Sheshan,
para o qual, com devoto afecto, levanta os olhos toda a Igreja que está na China,
vimos hoje junto de Vós implorar a vossa protecção.
Lançai o vosso olhar sobre o Povo de Deus e guiai-o com solicitude materna
pelos caminhos da verdade e do amor,para que, em todas as circunstâncias,
seja fermento de harmoniosa convivência entre todos os cidadãos. 

Com o «sim» dócil pronunciado em Nazaré, Vós consentistes
que o Filho eterno de Deus encarnasse no vosso seio virginal
e assim desse início na história à obra da Redenção,
na qual cooperastes depois com solícita dedicação,
aceitando que a espada da dor trespassasse a vossa alma,
até à hora suprema da Cruz, quando no Calvário permanecestes
de pé junto do vosso Filho, que morria para que o homem vivesse. 

Desde então tornastes-Vos, de forma nova, Mãe de todos aqueles
que acolhem na fé o vosso Filho Jesus
e aceitam segui-Lo carregando a própria Cruz sobre os ombros.
Mãe da esperança, que na escuridão do Sábado Santo caminhastes,
com inabalável confiança, ao encontro da manhã de Páscoa,
concedei aos vossos filhos a capacidade de discernirem em cada situação,
mesmo na mais escura, os sinais da presença amorosa de Deus. 

Nossa Senhora de Sheshan, sustentai o empenho de quantos na China
continuam, no meio das canseiras diárias, a crer, a esperar, a amar,
para que nunca temam falar de Jesus ao mundo e do mundo a Jesus.
Na imagem que encima o Santuário, levantais ao alto o vosso Filho,
apresentando-O ao mundo com os braços abertos em gesto de amor.
Ajudai os católicos a serem sempre testemunhas credíveis deste amor,
mantendo-se unidos à rocha de Pedro sobre a qual está construída a Igreja.
Mãe da China e da Ásia, rogai por nós agora e sempre.
Amen.